15 de setembro de 2014

Curso “Disseminadores de cidadania” entrega certificados

Curso Disseminadores de Cidadania entrega certificados

A sociedade civil ganhou mais 43 novos disseminadores de cidadania. A palestra sobre o “Papel do Ministério Público” ministrada pelo diretor do Instituto Silvio Viana, Pedro Guido encerrou, na noite da quinta-feira (11), a programação da 22ª turma do “Curso de Disseminadores de Cidadania”. Foram 10 encontros somando 30 horas de aula. O curso é promovido pelo Instituto Silvio Vianna em parceria com a Pró-reitoria de Extensão (Proex) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), com o apoio do Fórum de Combate à Corrupção de Alagoas (Focco-AL) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

Os novos formandos exibiam com orgulho os certificados entreguem no final dos trabalhos. A maioria dos alunos realizava o curso pela primeira vez. É o caso de Augusto Ferreira. Formado em História pela Ufal, ele chegou ao Brasil a cerca de oito anos vindo do seu país de origem, a República da Guiné-Bissau. “Como venho de outra localidade com costumes, leis e culturas diferentes, vi no curso uma oportunidade de conhecer melhor as questões que envolvem todo o processo de cidadania no Brasil. Pretendo, inclusive, levar o conhecimento adquirido aqui para o meu país”, explica.

Também satisfeita com o resultado das aulas, a mestranda em Educação pela Ufal, Edilene Marques afirma ter agregado novas informações ao seu aprendizado. “Fiquei bastante feliz por ter me inscrito. Gostei de tudo mesmo, principalmente das palestras sobre licitação”, afirma. Pela segunda vez no curso, Kelita Cortez atribuiu o interesse por uma nova reciclagem ao seu trabalho. “Sou funcionária pública e vejo esta iniciativa uma oportunidade para aprimorar meu desempenho nas funções que exerço. Acho este o curso deveria ser obrigatório ao funcionalismo público como forma de capacitação”, afirma Kelita.

Aliada do projeto há várias edições, a gerente de Extensão da Proex, Carla Brum destaca que o empenho em realizar anualmente o curso é de extrema importância, pois apresenta temas relevantes, produtivos e variados para a sociedade. Semelhante aos anos anteriores, o curso gratuito e aberto ao público, chamou a atenção pela qualidade de suas palestras e palestrantes. “Em todas as edições colocamos na programação alguns assuntos obrigatórios e outros mais atuais. Desta vez introduzimos debates sobre a reforma política, questões eleitorais e ampliamos as aulas referentes às licitações”, esclareceu Pedro Guido. Segundo ele, todo o conteúdo e a carga horária do curso foram cumpridos e o resultado é satisfatório.

15 de setembro de 2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *