8 de fevereiro de 2018

Fórum de Combate à Corrupção já tem novo coordenador

Ascom MPC/AL

Procurador de Contas Gustavo Santos é o novo coordenador do Focco/AL (Foto: Ascom MPC/AL)

Gustavo Santos representa do MP de Contas no Focco e comandará o grupo por dois anos 

O procurador de Contas Gustavo Henrique Albuquerque Santos, representante do Ministério Público de Contas de Alagoas (MPC/AL), assumiu na última terça-feira (06), a coordenação do Focco/AL (Fórum de Combate à Corrupção em Alagoas), durante a primeira reunião ordinária de 2018, que aconteceu no Tribunal de Contas do Estado de Alagoas (TCE/AL). O novo coordenador foi eleito em dezembro do ano passado e coordenará os trabalhos do grupo por dois anos.

Gustavo Santos falou sobre a importância do Focco/AL para a sociedade alagoana e o reflexo de suas ações. “O Fórum é plural pois congrega os principais órgãos de controle do Estado e ainda conta com representantes da sociedade civil organizada, e está sempre procurando informar a população dos fatos mais relevantes que estão acontecendo nas contas públicas, sendo um ator muito importante na transparência e no controle da Administração Pública”, enfatizou.

O novo coordenador ressaltou o excelente trabalho realizado pelo seu antecessor, o promotor de Justiça José Carlos Castro, que coordenou os trabalhos durante três anos, e falou da responsabilidade de assumir um órgão tão fundamental no combate à corrupção.

Doutor José Carlos fez um trabalho brilhante à frente da coordenação do Focco, cujas ações refletiram na sociedade e vão nos inspirar a seguirmos na mesma trajetória”, destacou Gustavo Santos salientando que ser coordenar o Fórum de Combate à Corrupção é um desafio, mas que encara com certa naturalidade uma vez que conta com a parceria e o trabalho dos seus pares.

Nesse primeiro momento, o Focco/AL vai elaborar o planejamento estratégico para 2018 com base no planejamento dos anos anteriores, uma vez que algumas demandas continuam pendentes como é o caso dos Precatórios do Fundef, do Portal da Transparência e da Lei da Ficha Limpa. “Alguns pontos foram discutidos na reunião, muitas ideias foram apresentadas e vamos condensar tudo para no próximo encontro aprovarmos o rumo das nossas este ano que é tão importante para nós brasileiros, por ser um ano eleitoral”, pontuou.

BALANÇO

Durante a reunião, o promotor José Carlos Castro fez um balanço das ações do Focco/AL realizadas em 2017 e destacou algumas das importantes ações realizadas pelo Fórum ao longo dos anos a exemplo dos portais da transparência nos municípios e nas câmaras municipais e dos precatórios do Fundef.

O Focco/AL já consolidou o seu papel na sociedade e hoje é uma organização reconhecida pelos meios de comunicação e pelas autoridades, e seu objetivo vem sendo alcançado. Ano passado iniciamos um trabalho e conseguimos convencer o Detran/AL a promover, por meio de portaria, uma fiscalização no transporte escolar e acreditamos que teremos uma qualidade melhor no transporte para os nossos alunos e estudantes”, informou o promotor.

José Carlos Castro sai da coordenação, mas continua no Focco/AL como representante do MP Estadual e falou da satisfação de transmitir o comando do Fórum a outro representante do Ministério Público, desta vez, o Ministério Público que atua junto ao Tribunal de Contas.

São vários órgãos de controle e de fiscalização do Estado que integram o Focco/AL e todas essas forças unidas e integradas, pensam a questão do combate e da prevenção da corrupção, trazendo importantes resultados pra essa temática”, reforçou.

O Focco/AL se reúne todos os meses para discutir ações de combate e prevenção à corrupção em Alagoas e lutar para que casos de corrupção não fiquem impunes.

Fonte: Ascom MPC/AL

Ascom MPC/AL

Primeira reunião ordinária do Focco/AL (Foto: Ascom MPC/AL)

8 de fevereiro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *